O Facebook Ads tornou-se parte fundamental das estratégias de marketing digital devido a complexa competição no Google Ads e a possibilidade de oferecer anúncios com segmentação certeira.

Para quem não sabe, assim como o Google, o Facebook tem algoritmos em sua plataforma para escolher o que mostrar no seu feed de notícias.

Segundo a empresa, o objetivo é fornecer conteúdo relevante de acordo com as suas preferências, levando em consideração comportamento, entre outros.

Inclusive, o Facebook anunciou que dará preferência aos conteúdos postados por amigos e familiares ao invés de posts de empresas para conectar e melhorar relacionamentos.

Resumindo, ficará mais difícil para empresas alcançarem organicamente seus consumidores. No entanto, não há com que se preocupar, já que os anúncios não sofrerão alterações.

Portanto, o Facebook Ads se tornou parte fundamental se quiser que seus conteúdos sejam vistos e o melhor: pelo público certo.

Facebook Ads: Segmentação

Um dos maiores benefícios do Facebook Ads é a sua segmentação. Configurando as campanhas corretamente é possível alcançar possíveis leads com maior possibilidades de conversão.

Dá para escolher faixa etária, cidade, região, cargo de trabalho, renda, escolaridade, entre muitos outros.

Por exemplo, você trabalha com roupas plus size para a classe B com entregas apenas na cidade de São Paulo.

Com a segmentação correta poderá alcançar mulheres que se interessem por moda plus size, compram pela internet, tenham renda média estimada de mais de R$ 8.000,00 e que morem em bairros específicos da cidade.

Facebook Ads: Tipos de campanhas

O Facebook oferece vários tipos de campanhas e serão ideais de acordo com os seus objetivos. Dá para aumentar curtidas da página, aumentar a visibilidade de posts e vídeos, gerar cadastros, vender um produto específico e levar tráfego para um site.

facebook Ads - Tipos de campanha

Como montar um anúncio?

Primeiramente escolhe-se o objetivo e de acordo com ele, o Facebook indicará um tipo de anúncio mais indicado. É bem intuitivo.

Por exemplo, o anúncio de aumento de curtidas tem um atalho do botão e informações básicas da página para a pessoa curtir em apenas um clique.

Os próximos passos basicamente são os mesmos para todos os anúncios. Depois, escolherá onde ele aparecerá, no Messenger, Facebook, Instagram ou em dispositivos específicos.

Agora é hora de estabelecer um orçamento. Coloque um limite diário, por quanto tempo ficará ativo e a frequência (o dia todo ou em horários específicos).

Depois escolherá o formato. Por exemplo, anúncio com vídeo, carrossel ou apenas imagem. O Facebook Ads fará uma análise e uma vez que seja aprovado, você poderá acompanhar a performance e até fazer uma edição no Ads Manager.

Você ainda poderá montar uma campanha com diferentes agrupamentos de anúncios com diferentes perfis de públicos e fazer testes A/B, o que é aconselhável.

Não existe fórmula certa e testes são essenciais até ver o que dá certo ou não. Além disso, quando pensamos em redes sociais temos que ter em mente que a venda não é uma das principais conversões.

O Facebook é um ótimo canal para conectar, estreitar relacionamentos, melhorar o atendimento e promover a marca aumentando a confiança em um processo de longo-prazo.